A GÊNESE DO ETERNO

Ir em baixo

A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 21:09

Link para download em PDF: https://ufile.io/zilrz

1) O Começo

A busca é a senda do homem.

E os céus são testemunha de quanto eu busquei. E quanto eu sonhei em minha busca.

Sonhei com uma terra sem males. Um paraíso na Terra.

Desde meados de 2002, me envolvi com todo tipo de grupo e prática espiritualista. E, lógico, tomei conhecimento da tão falada transição planetária. Segui com veemência os grupos que acompanhavam as mensagens do canalizador português João Lucas Roldão, do site Canalizações d'Além Mar.

E veio 2012, e o mundo não acabou.

Continuei seguindo as mensagens posteriores de João Lucas Roldão, além de alguns trabalhos correlatos a ele. E cheguei a conclusão que estava metido em uma grande história sem fim.

Afinal, nenhum destes trabalhos me levava à verdade. E o que é a verdade? Onde estaria a verdade? Sim, pois entendia que só a verdade pode libertar o homem. E quem segue aos cegos, perde-se com eles.

Neste monólogo interminável, ainda incluso dentro das realidades ilusórias as quais tanto me acostumei nestes anos de busca, passei a prestar atenção em um grupo espiritualista de Whatsapp ao qual há tempos eu estava associado, mas quase nunca prestava atenção.

E me chamou a atenção a postura equilibrada e ponderada de uma pessoa. Raniel era seu nome.

E, como em um estalo, algo me disse para me aprofundar nesta pessoa.

Ora, eu que tinha aprendido a duvidar de minhas percepções pessoais, estava defronte de mais uma situação aparentemente banal. Porém, já que não tinha nada a perder, resolvi convidar o misterioso Raniel para uma entrevista.

Para minha surpresa, Raniel aceitou meu convite.


Última edição por Martelo em Sab 1 Set 2018 - 6:58, editado 2 vez(es)

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 21:47

2) Raniel

Pelo DDD de seu celular informado no grupo, percebi que Raniel também morava no Rio de Janeiro.

Naquela semana estava ocorrendo a Feyra Mystyca Caryoca, uma convenção de espiritualistas, com estandes, palestras, e todo tipo de evento correlato.

Sugeri a Raniel que me encontrasse na Feyra, porém, ele achou melhor que nos víssemos em um conhecido botequim do Baixo Gávea.

Botequim do Baixo Gávea? Ora, não tenho mesmo nada a perder, pensei eu.

E foi neste lugar tão inesperado que vi pela primeira vez a tenra figura de Raniel. Levemente moreno, cabelos pretos longos e lisos, e uma aura de paz e equilíbrio que jamais havia visto em alguém.

Guiado por seu cativante sorriso, sentei-me com ele à uma mesa.

- O que deseja pedir, meu bom amigo? - perguntou-me Raniel.

Passando o olho pelo cardápio, tentava encontrar algo que fosse leve e apropriado para o momento.

- Vejo, meu bom amigo, que você está um pouco indeciso. Mas eu não estou. Preciso de uma Cerveja Premium. O calor deste verão está pedindo isso. - foi a tenra voz de Raniel me falando.

- Que surpresa, Raniel. Já foi bastante pitoresco você me convidar para conversarmos sobre espiritualidade neste lugar. Mais pitoresco ainda é seu convite de fazê-lo sob goles de cerveja. - respondi com um toque de sinceridade, mas também com um toque de constrangimento.

Raniel olhou para mim e esboçou um tenro sorriso:

- Talvez você considerasse mesmo a Feyra Mystyca um local mais apropriado!

Com um leve sorriso, respondi:

- Não posso negá-lo.

Então Raniel, com sua tenra sabedoria, me disse:

- Olhe à sua volta, meu amigo. Vemos pessoas que estão aqui em busca de um momento de alegria, mesmo que regadas a um agente neuroestimulante que é o álcool. Entretanto, você aqui pode ver cenas grotescas, mas verá verdades.

Após um tenro suspiro, Raniel concluiu:

- Ao contrário da Feyra Mystyca, em que temos centenas de pessoas carregando uma bandeira de espiritualidade mas que estão atrás somente de dinheiro e elogios para inflar seus egos! Onde você vê mais verdades? Lá ou aqui?

Emudeci com as palavras de Raniel.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 21:48

3) O Infinito

Fitando-me com seu tenro olhar, Raniel me disse:

- Você pode não concordar com as verdades que você vê aqui. Mas elas não deixam de ser verdades por causa disso.

Fiquei em silêncio, absorvendo as palavras de Raniel. E ele então concluiu:

- Foi dito uma vez que a verdade liberta. Eu posso te ajudar a encontrar a verdade, meu amigo. Aprenderá muitas lições. Mas a lição final será a mais valiosa. Escreva minhas palavras.

Com meu interesse pelo assunto crescendo, então perguntei:

- E o que mais você pode me dizer sobre a verdade?

Com um sorriso, perguntou Raniel:

- Qual o conceito que você possui sobre o infinito?

- O infinito é algo que não possui fim, ao meu ver.

- Não possui fim, e talvez também não possua começo. Você concorda?

Com uma confusão instalada em minha mente, respondi:

- Confesso que para mim é difícil imaginar que algo não possua começo.

Raniel, aparentemente se divertindo com minha expressão, disse:

- O tempo é uma ilusão, meu amigo. A noção de tempo que possuímos é por causa do envelhecimento de nossos corpos e pelo estilo de vida cronometrado que temos aqui na Terra.

Como eu fiquei estático, sem esboçar reação, Raniel prosseguiu:

- Imagine o seguinte. Se você fosse imortal e vivesse fechado dentro de um cubo por toda a eternidade, que diferença existiria para você entre o que ocorreu há 10 minutos atrás ou o que pode ocorrer nos 10 minutos seguintes? Absolutamente nenhuma. Você viveria com sua percepção focada em um eterno momento presente.

Tentei balbuciar algumas palavras, mas Raniel continuou:

- A Consciência Primordial vive em um ponto do Universo em que só ela existe. Ela é perfeita e imutável, e vive em um eterno instante presente, pois não há nada que faça com que o estado dela se altere e a faça ter uma noção de tempo. Ela nunca teve um início e nunca terá fim. Ela simplesmente existe ali naquele lugar.

Ainda tentando assimilar o ensinamento perguntei:

- Então quando foi que começamos a ter essa noção de tempo?

Com um amável sorriso, disse-me Raniel:

- Isto é assunto para o nosso próximo encontro.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 22:08

4) A Criação

Meu encontro seguinte com Raniel se deu no Parque Lage.

Sentamos a um banco defronte à verde mata. Raniel dessa vez preferiu um delicioso suco de laranja ao coquetel etílico do encontro anterior. Pensei comigo mesmo se Raniel não estava tentando me testar com aquele encontro no Baixo Gávea.

E talvez estivesse mesmo.

Todavia, deixei isso pra lá. Afinal, tudo que eu estava aprendendo naqueles dias se mostrava muito mais valioso.

- E então, Raniel? Onde entra o tempo nesta história?

Raniel, com um leve e gostoso sorriso, me respondeu:

- Calma, meu amigo. Vamos dar tempo ao tempo. Primeiro, falemos da Criação.

O meu querido e iluminado amigo fitou as nuvens no céu e disse:

- Em um certo momento de seu estado de eternidade, a Consciência Primordial, aquela que tudo é, resolveu fazer um experimento. O experimento da Criação.

Ouvindo atentamente, perguntei:

- E porquê ela quis isso?

Raniel, com um lindo sorriso, disse:

- Responderei essa pergunta mais tarde. O fato é que a Consciência Primordial resolveu experimentar a Criação. E, para isso, resolveu criar um ser que servisse como protótipo daquilo que ela estava decidida a fazer.

Prosseguindo, disse Raniel:

- A Consciência Primordial então focou sua atenção em uma parte de si mesma, a qual ela passaria a considerar com um ser à parte dela. Era como se a Consciência Primordial tivesse um bonequinho, controlado por ela, e esse bonequinho passaria a ser considerado um outro ser além dela.

Raniel prestou atenção em minha surpresa, mas continuou sem interrupções:

- Este novo ser continuaria a ser animado e controlado pela Consciência Primordial, porém, ela queria que ele tivesse a percepção de que ele próprio fosse um ser independente dela. E o que fez a Consciência Primordial? Apagou da memória deste ser o momento em que ele foi definido como uma manifestação à parte da Consciência Primordial.

- Interessante.

- A este primeiro ser foi dado o nome de Miguel, ou a Semelhança de Deus.


Última edição por Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 20:18, editado 2 vez(es)

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 22:24

5) Os Arcanjos

Mais uma vez a expressão de confusão tomou conta de meu rosto. Porém, desta vez, resolvi perguntar a Raniel:

- Miguel não significa “Quem é Como Deus”?

Raniel, com seu manso sorriso, respondeu:

- Não. Significa mesmo “A Semelhança de Deus”. Ele foi feito à imagem e semelhança da Consciência Primordial, com a diferença de que ele agora teria um ponto de origem. Sim, pois o Primeiro Ser, ao contrário da Consciência Primordial, teve um início. E com este início, teve-se também o início da noção do tempo dentro da Criação.

Tentando captar as palavras do doce Raniel, intervi:

- Pois antes do Primeiro Ser, não havia início e nem fim. E por isso não havia o tempo.

Raniel, com uma grande sorriso disse:

- Fico feliz que esteja começando a entender. O que é importante também que você entenda é que neste momento, em que dentro da Criação só existiam a Consciência Primordial e o Primeiro Ser, estes não possuíam formas definidas. Ambos eram só pensamentos estacionados em um vazio.

Não quis novamente intervir. Deixei que Raniel continuasse.

- A Consciência Primordial gostou do resultado e criou vários outros seres semelhantes ao Primeiro Ser. Estes foram nomeados Arcanjos, e são os servidores primordiais da Criação. Eles sabem quem são, sabem o porquê de terem sido criados, mas mantém a percepção de serem seres separados da Consciência Primordial.

Me fitando nos olhos, Raniel então disse:

- Perceba que todos eles, na verdade, são como bonequinhos que a Consciência Primordial controla o tempo todo. A Consciência Primordial anima eles o tempo todo, mas eles continuam tendo a percepção de que são seres separados. Embora eles saibam que na verdade, eles são um veículo de manifestação da Consciência Primordial, eles em sua consciência individual não tem essa percepção direta.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 22:42

6) O Mistério

Tentava alcançar o sentido destas palavras. Novamente olhando para o céu, Raniel prosseguiu:

- Como sendo os primeiros seres da Criação, eles são servidores eternos da Criação, e nunca poderão um dia regressar à Consciência Primordial. Pois criados para servir eles foram, e assim eles mesmos querem prosseguir. Eles conhecem o Mistério da Criação, mas não podem – e nem devem, tentar regressar à Consciência.

Desta vez não consegui seguir a linha de pensamento do meigo Raniel.

- E o que seria este Mistério, Raniel?

- Assim como os Arcanjos foram criados pela Consciência Primordial, os seres que vieram após eles também são manifestações desta Consciência aos quais foi apagado de suas memórias o momento de sua criação para que os mesmos tivessem a percepção de serem seres independentes.

Assustado com a bombástica revelação, disse:

- E isso inclui os meros mortais como eu e você.

Raniel, com seu amável sorriso, disse:

- Acertou, meu amigo. Porém, ao contrário dos Arcanjos, os demais seres da criação que se afastaram da Consciência Primordial e foram descendo a dimensões cada vez mais inferiores, podem fazer o caminho de volta, relembrar suas conexões com a Consciência Primordial e se fundir à ela.

Com um olhar sonhador, Raniel continuou:

- E se um dia você conseguir voltar à Consciência Primordial e relembrar a sua conexão, você perceberá que na verdade não existem vários seres separados na criação. Que todos eles são em verdade você mesmo, que um dia resolveu fazer um experimento e se dividir em vários outros seres.

Concluindo, o tenro Raniel disse:

- E lembrará que você nunca foi um ser à parte da Consciência Primordial, e que enquanto você estava achando que era um ser separado, na verdade era a Consciência Primordial que te movia o tempo todo como se fosse um bonequinho, assim como ela também o faz com todos os seres da Criação. E a Consciência Primordial é você mesmo! Eis o Mistério!

Embasbacado, fiquei sem reação à esta intrigante revelação. Raniel então perguntou:

- Você me perguntou o porquê da Consciência Primordial ter iniciado o Experimento da Criação. Então, a resposta que te dou é que só você pode responder isso, pois foi você que decidiu um dia fazer isso.

Com um olhar de espanto fitei Raniel e perguntei:

- Isso quer dizer que eu e você somos na verdade manifestações distintas de uma mesma entidade?

Raniel deu um largo sorriso:

- Muitos espiritualistas repetem a expressão “Todos Somos Um” sem ao menos saber ao certo o que significa isso. Eis a explicação.


Última edição por Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 14:36, editado 1 vez(es)

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 23:10

7) A Verdade

Encontrei com Raniel na semana seguinte, desta vez no Jardim Botânico. Meu doce amigo continuou sua explanação:

- Até o momento em que só existia na Criação a Consciência Primordial e os Arcanjos, não havia necessidade de materialidade, pois todos eles eram somente pensamentos instalados no vazio. Um vazio relativo, pois ali entre eles existia aquilo de mais forte que existe na Criação. O Amor.

Pensei em perguntar algo, mas deixei o lindo Raniel prosseguir, pois sabia que a resposta de minhas perguntas viria em algum comentário seguinte.

- E veja, não existia nada; mas ao mesmo tempo existia tudo. Pois se você tem o Amor, você tem tudo. E quem vive no Amor, vive na Verdade. Entenda, meu amigo, as pessoas correm feito loucas atrás da verdade neste mundo. Buscam devaneios e explicações rebuscadas para a Verdade. No entanto, ignoram que a verdade existe na mais pura simplicidade. Simplicidade esta que existia no início do Experimento da Criação, e que existe até hoje, pois na dimensão superior onde reinam a Consciência Primordial com seus Arcanjos, tudo continua do mesmo jeito!

Resolvi então opinar:

- Tudo bem simples. Mas com muito Amor. Aí reside a Verdade.

Com um olhar apaixonante, Raniel me disse:

- Perfeito, meu amigo. É isso mesmo. Não é a toa que Jesus, quando foi questionado por Poncio Pilatos sobre a verdade, não quis responder a esta pergunta. E ele agiu certo, pois ele sabia que a verdade não feita para este mundo em que vivemos.

Suspirando, disse então Raniel:

- Para ser mais claro, a Verdade está escancarada na frente de todos. Nós é que não queremos entendê-la. Como eu disse, as pessoas buscam explicações complicadas para aquilo que é deveras simples.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 23:12

8 ) A Luz e o Pensamento

Perguntei então ao querido Raniel:

- E como prosseguiu a Criação? Como chegamos ao ponto em que estamos hoje?

Raniel, com emoção em sua voz, disse:

- A Consciência Primordial resolveu prosseguir com a Criação, adicionando elementos novos ao experimento. E, um destes elementos era a materialidade. Os seres que seriam criados a partir da ali, não seriam somente pensamentos no vazio, mas teriam formas definidas e viveriam em ambientes definidos.

Prosseguindo com desenvoltura, disse então Raniel:

- Primeiro, criou-se a Luz. Já não existia o vazio, pois a Luz poderia preencher este vazio. E uma nova gama de seres foram criados neste momento. Entretanto, eles não seriam somente pensamentos. Seriam também Luz.

Perguntei a Raniel:

- E os Arcanjos não podem ser luz também?

Raniel, com doçura na voz, respondeu:

- Os Arcanjos em sua dimensão de origem são pensamentos. Mas podem tomar a forma de luz, ou mesmo a forma de corpos físicos como estes que temos aqui na Terra. Pois o pensamento em sua dimensão de origem é forte, e cria qualquer coisa.

Raniel olhou para mim e disse:

- Os primeiros seres feitos de Luz tinham uma estrutura simples, mas eram também puro amor. O que, convenhamos, já era o suficiente para que fossem completos!

Olhei para Raniel com curiosidade e perguntei:

- E estes seres se comunicavam entre si de alguma forma?

Raniel, com grande amabilidade, respondeu:

- Sim, lógico que havia comunicação entre eles, e também entre eles e os Arcanjos, mas não da forma com a qual nós nos comunicamos aqui na Terra. Vamos imaginar o seguinte. Se você quisesse dizer que gosta muito de mim, o que você faria?

Com muito gosto, respondi ao doce Raniel:

- Eu chegaria a você e diria: Raniel, você é muito especial e eu te amo.

Raniel sorriu intensamente. E me respondeu:

- Essa é a forma de você dizer isso com palavras. Nas dimensões superiores, você simplesmente pensaria em mim envolvido em amor, e esta vibração chegaria até mim. E eu entenderia perfeitamente o que você quis me comunicar.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 23:32

9) A Matéria

Olhando para Raniel com curiosidade, perguntei:

- E se eu quisesse algo mais complicado? E seu te pedisse para colocar chinelos e ir ali do lado pegar um refrigerante de maçã bem gelado e dois canudinhos?

Raniel esboçou uma risada e disse:

- Você deveria se ater somente ao seu desejo e ponto. Não tente ver isso como se você tivesse que necessariamente construir uma sentença semântica de palavras dentro de sua mente. Isso não existe nas dimensões superiores. Lá, você simplesmente pensa no que precisa. Nada mais do que isso.

Então olhei o belo Raniel e perguntei:

- Devo olhar este tipo de situação igual eu vejo a questão do Infinito. A Consciência Primordial simplesmente existe em um estado de Infinito e ponto. Não é?

Raniel me fitou com carinho e respondeu:

- Exato! Meu amigo, não tente entender como as coisas funcionam nas dimensões superiores com a sua mente racional. Sua mente está acostumada com a matéria, e não consegue enxergar além dela. Um índio que viveu a vida inteira em uma aldeia isolada no meio da floresta nunca irá entender o que é um avião se algum dia ele vier a ver um.

Emocionado com a sabedoria de Raniel, então questionei:

- Falando em matéria, como continuou o Experimento da Criação a partir do adensamento da matéria?

Raniel, cuja face se assemelhava a um Sol a brilhar, disse:

- Quanto mais o Experimento foi tomando novos rumos e se densificando, novas possibilidades foram sendo testadas pela Consciência Primordial e pelos Arcanjos. Uma delas foi o conceito de Comprimento, Altura e Largura. Dá para imaginar que no Vazio primordial não existia nada disso?

Juro que até tentei imaginar o que seria isso. Mas deixei que o querido Raniel prosseguisse.

- E conforme novos elementos foram sendo testados dentro do Experimento da Criação, novas dimensões mais densas foram sendo criadas. Até chegarmos na dimensão atual, que é essa em que vivemos.

Então disse eu:

- E que diferença! No vazio primordial existem só pensamentos. E aqui temos seres complexos que vivem em um mundo dimensional, nascem e morrem, estão sujeitos à ilusão do tempo, precisam se alimentar, respirar…

Meu maravilhoso amigo Raniel me sorriu:

- Exato! E me diga, onde está a verdade? Aqui ou lá?

Pensei um pouco para responder. Mas arrisquei uma resposta:

- Lá. No Vazio Essencial.

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Qui 23 Ago 2018 - 23:49

10) Livre Arbítrio

Depois desta observação, questionei ao meu nobre amigo:

- Raniel, me parece que a existência nas dimensões superiores é muito melhor que aquela que vivemos aqui nesta dimensão. O que faz então com que determinados seres, que são criações e manifestações da Consciência Primordial…

Raniel fez um adendo, com um sorriso meigo e doce:

- ...assim como eu e você!

Sorri ao meu vibrante amigo e prossegui:

- …tenham que viver em um lugar tão cheio de dificuldades e incertezas como a Terra? Parece-me que estamos condenados a um castigo ao encarnarmos aqui.

Raniel, cuja face era diamante e seus olhos eram esmeralda, me disse:

- A Consciência Primordial deu a todos os seus filhos o Livre Arbítrio. Cada um tem o direito de fazer o que quer, inclusive de se afastar da Consciência Primordial. Ela sofre com isso, pois, afinal, quando isso acontece, ela vê a si própria se afastando de si mesma. Mas ela definiu que permitiria que isso ocorresse no Experimento da Criação.

Fitei o chão por um momento e questionei a Raniel:

- E como isso acontece?

Raniel, de maneira encantadora, respondeu:

- Cada um atrai o que quer para si mesmo. Imagine uma pessoa que possua extrema gula. Come de tudo, e uma hora isso irá criar problemas para ela. Ela pode ter um infarto em função disso. E este infarto há de dar uma lição à ela. Ela pode ou não assimilar esta lição, e continuar repetindo os mesmos erros pela vida inteira, e até por vidas posteriores.

Olhando para mim, prosseguiu:

- Agora, se a mesma pessoa se conscientizar de que a gula pode trazer problemas para ela antes que advenha um infarto, será a sinalização de que ela conseguiu aprender uma lição importante antes que precisasse acontecer uma coisa ruim com ela. E afastará de seu caminho a lição do infarto.

E completou com maestria:

- E assim é a vida dos seres na criação: a todos é dada a chance de aprender e caminhar o caminho certo. Mas cada um faz o que bem quiser. A Consciência Primordial jamais interfere no Livre Arbítrio de ninguém.


Última edição por Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 20:16, editado 1 vez(es)

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 0:10

11) Conversando em Campos do Jordão

Fiquei quase dois meses sem me encontrar com Raniel.

Foi quando ele me telefonou e pude ouvir novamente sua delicada e tenra voz. Ele estava muito animado, e me convidou para passar o fim de semana em sua propriedade em Campos do Jordão.

Ele faria um pequeno encontro entre vários amigos participantes do Grupo de Whatsapp, e queria que eu também estivesse presente.

Com muita alegria no coração pela oportunidade de rever este meu grande amigo, me dirigi à estância climática na data marcada.

Raniel me recebeu em sua chácara com o carinho e o afeto de sempre. Instalou-me em um dos vários chalés que a propriedade possuía, onde pude dividir momentos maravilhosos com outras pessoas tão iluminadas como o meu querido Raniel.

À noite, nos reunimos todos sentados em círculo, em volta de uma deliciosa fogueira. Estava eu com o coração pulando de felicidade pela oportunidade de ouvir mais uma leva de valorosos ensinamentos de meu sábio amigo.

Foi quando Raniel, ao invés de tomar a palavra, me convidou para que eu falasse algo para os presentes. E eu falei.

- Meus amigos, agradeço ao nosso querido Raniel por nos disponibilizar este espaço para que nos reencontremos. Nós que somos um. Eu sou você, e você sou eu. Não há diferença nenhuma entre nós.

Com confiança no espírito e amor no coração, continuei:

- Esta separação é uma ilusão. Por isso que devemos trabalhar para que estejamos sempre juntos em pensamento. Não importa que não possamos estar juntos fisicamente o tempo todo, pois a matéria não é nada. A matéria se resume a ser um acessório da Criação. Mas o pensamento sim, é algo forte. O pensamento existe desde antes da criação existir.

E concluindo, eu disse:

- A Consciência Primordial, aquela que também somos nós e nós somos ela, é puro pensamento. E é nos unindo neste pensamento, reverberando o amor, é que estaremos aptos a assimilar as lições pelas quais fomos trazidos à esta Terra. E, com estas lições assimiladas, caminharemos juntos nosso caminho de volta à Consciência Primordial. Sim, pois nos unir à Consciência é nosso objetivo, e se aqui neste orbe nós nos unirmos em nossas consciências individuais, estaremos construindo aqui mesmo os primeiros alicerces desta nossa linda jornada de volta à nossa casa.

Raniel, emocionado, se levantou aplaudindo e me disse:

- Lembra que um dia eu te disse que a mais valiosa das lições seria justamente a última?

Respondi que sim. Raniel prosseguiu:

- Então hoje você aprendeu esta lição. Veja que belas palavras fluíram espontaneamente de seu coração. Eu nunca fui um mestre, eu fui somente um espelho para que você enxergasse a si mesmo e percebesse quem você é de verdade. Agora que você já sabe quem você é, você pode caminhar sozinho e, também, ser um espelho para outros irmãos!

Emocionado, abracei Raniel e chorei copiosamente junto ao seu doce peito.

FIM


Última edição por Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 20:17, editado 1 vez(es)

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 24 Ago 2018 - 10:30

Martelo bom dia, uma luz se abriu em minha mente enquanto lia seu relato. Este trouxe em poucos minutos muito mais do que em meus meus 75 anos de vivência e muitos deles dedicados ao estudo. A partir de 1997 ou 98, li todo o site do Nominato e participei dos Forums posteriores e a partir daí sempre procurei me aprofundar no estudo da espiritualidade. No ano de 2009 com a Terapia Holística iniciamos a aplicação dos Raios Divinos ou Chamas com resultados incomensuráveis. Esses conhecimentos repasso através do meu blog: miguelfaccio.com.br/blog. Lá podem ser lidos os relatos e inclusive os áudios das sessões de Terapia Holística, onde se referem à aplicação dos Raios, bem como 16 dos livros que tenho publicado através da BOOKESS.COM. Peço a você a permissão de publicar esse relato também no meu blog.

Faccio Miguel

Mensagens : 422
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Sex 24 Ago 2018 - 20:19

Olá Miguel!

Fico muito feliz que este relato tenha tocado a você.

Fique a vontade para reproduzi-lo em seu espaço.

Grande Abraço,

Martelo

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Martelo em Sab 1 Set 2018 - 6:59

Link para download em PDF: https://ufile.io/zilrz

Martelo

Mensagens : 310
Data de inscrição : 11/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A GÊNESE DO ETERNO

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum