PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Página 40 de 41 Anterior  1 ... 21 ... 39, 40, 41  Seguinte

Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 6 Maio 2020 - 8:59

01/02/2018
Por mais que se procure a satisfação nas coisas materiais, ela jamais será encontrada. Isso por um simples fato: as coisas materiais somente agradam ao exterior, as aparências e os egos, ao passo que, para que se tenha a satisfação plena, precisa se contemplar também o espírito. As coisas materiais não alcançam o espírito. O que completa o espírito é a oração e a meditação, que são a interiorização consciente da matéria para possibilitar a emancipação do espírito. O espírito precisa além do sono, que não é consciente, mas uma necessidade do corpo para refazer as forças e manter o equilíbrio, um período durante a vigília, que o consciente exterior possibilite ao espírito volitar em busca de energias que o sustentam. Assim contempla-se a matéria e o espírito, o conjunto inseparável, que só a morte do corpo tem poder de destruir a dualidade, e isso enquanto o espírito não tiver alcançado a mestria, pois nesse momento, o corpo acompanha o espírito e jamais serão separados. Neste momento o corpo também se tornará diáfano, podendo materializar-se em qualquer lugar ou lugares, ao mesmo tempo. Assim, completa-se o estágio do espírito em um corpo físico para resgatar débitos do passado. Se por acaso retornar à Terra reencarnando, o fará para auxiliar a evolução da humanidade.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 7 Maio 2020 - 9:15

02/02/2018
Sempre que se desce à matéria, para habitar, por algum tempo, em um corpo físico, se faz mediante um projeto elaborado pelo Conselho Cármico e avalizado pelo próprio espírito. A humanidade ainda não se conscientizou dessa grande realidade que está estampada aos olhos, mas não é vista e muito menos percebida. No entanto, é o que direciona nossa passagem pelo corpo físico. O projeto elaborado tem, exclusivamente, dois objetivos. Primeiro, a quem tenha resgates a serem feitos, ou carmas a serem queimados. Segundo, a quem desce à matéria com a finalidade de auxiliar a humanidade ou grupos de pessoas a evoluírem. Os primeiros sempre vêm com sua memória encoberta pelo Véu de Maya. Os segundos, alguns já têm a consciência clara de que precisam fazer aqui no planeta, outros, a sua missão vai surgindo aos poucos até tornarem-se plenamente conscientes de sua missão. O próprio Cristo diz em uma de suas mensagens no “Livro Alquímico de Saint Germain”, que, depois que começou a repetir o decreto “EU SOU a ressurreição e a vida” é que teve a noção clara de sua missão. Mesmo o próprio Cristo, na sua juventude, até antes de iniciar a sua pregação, sentia o empuxo de sua missão fazendo-o procurar os conhecimentos onde quer que estivesse, para, até mesmo inconscientemente, preparar-se para cumprir seu projeto de reencarnação. Em vista disso, até dá para dizer que todos, inclusive os mestres que reencarnam, o fazem mediante um projeto.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 8 Maio 2020 - 9:38

03/02/2018
Um dos grandes benefícios que recebemos ao reencarnar aqui na Terra é o Véu de Maya. Ele, propriamente, possui duas funções principais. A primeira é esconder de nosso consciente exterior quem somos, de forma que, a cada reencarnação, é como se fora a primeira e a única. Dessa forma, nos dá a oportunidade de opção, livre e incondicional, de agirmos dentro do projeto estabelecido para cada espírito ao reencarnar. Ter resgates a serem feitos, sem ao menos saber o que são. Isso nos dá a oportunidade de aceitar e tentar quitá-los, mesmos sabendo que Deus não comete injustiças e tudo o que Ele faz é perfeito. Assim, temos a condição de aceitar e resgatar, numa certeza sem provas, de que a gente própria é a responsável por eles. A segunda função é evitar que inimigos do passado se reconheçam e terem a oportunidade de tornarem-se até amigos, podendo viver, inclusive, na mesma família sem se reconhecerem, e assim resgatar a principal consciência do mundo espiritual que é “Somos Todos Um”. É aqui que se vivencia o grande mandamento “Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo”. Como como diz Jesus: “aqui está toda a lei e os profetas”. É preciso que nos conscientizemos de que ninguém cai aqui na Terra de paraquedas. Tudo é muito bem elaborado e estudado para dar a todos a oportunidade de evoluir e alcançar a mestria.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 9 Maio 2020 - 9:19

04/02/2018
A dificuldade em aceitar novos conhecimentos está somente relacionada ao consciente exterior bitolado, especialmente por filosofias religiosas castrantes e bitolantes, que impedem que seus fiéis sequer pensem em buscar outro conhecimento. São mentes acostumadas a serem direcionadas, que não se dão, sequer, a coragem de alçar voo a algo maior que seu umbigo. Especialmente quando isso se trata de conhecimentos relacionados ao espírito, porque, quando o conhecimento se trata das coisas materiais, corre-se em desespero para conseguir o último lançamento, que muitas vezes até tira o pão da mesa para poder adquirir o que considera de seu sonho. Isso é tão comum e usual que já está encostado na mente e no consciente exterior da humanidade, especialmente a ocidental, que facilmente se deixa engambelar pelas coisas materiais, a tal ponto que chega a sofrer se não as consegue. Isso demonstra quão longe estamos ainda de conseguir a harmonia entre o espírito e a matéria, coisa indispensável para se granjear o reino dos céus.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 10 Maio 2020 - 10:00

05/02/2018
Os desígnios de todos os seres já foram estabelecidos desde toda a eternidade. Não precisa Deus estar repetindo para cada nova geração as Leis que comandam o universo, assim como faz o professor até que o aluno consiga aprender a lição. Tudo está gravado no DNA de cada ser e em cada reino. A única coisa que precisa é o ser, paulatinamente, evoluir, que com o devido tempo surge ao consciente a necessidade de seguir o que já fora estabelecido desde o início da eternidade. Isso é inato e estabelece um impulso irresistível para se seguir aquilo que está na Lei estabelecida por Deus para reger todas as coisas. Pode o ser humano frear parte dessas Leis, mas será responsabilizado e terá que pagar caro por isso. O ser humano encarnado, como está, está vivendo em uma noite escura, ou seja, encoberto pelo Véu de Maya, não está isento da responsabilidade de seus atos, de seu agir. Isso pode prolongar-se até após seu desencarne, quando no mundo espiritual ainda continuar a infracionar especialmente a Lei do amor, que é a Lei que congrega todos os seres num objetivo específico; auxiliarem-se mutuamente para que todos possam evoluir, porque a partir do momento em que se conscientizar de sua individualidade, seu objetivo se torna “Somos Todos Um”. Assim passam a agir para congregar todos os seres.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 11 Maio 2020 - 8:59

06/02/2018
Enquanto a ciência dos homens não se aliar à ciência do espírito, muito pouco conseguirá evoluir, não no sentido material, mas no sentido de nosso agregado humano total. A ciência dos homens não reconhece a intercessão de uma força externa que impulsiona aquilo que consideram matéria, que em realidade é apenas uma frequência diversa do “campo”, como considera a Física Quântica, embora nem todos os cientistas a aceitem. Um ramo de cientistas construiu na Europa uma máquina de 17 km para fazer chocarem-se dois átomos, criar em uma partícula chamada de “Bóson de Higgs”, que apelidaram de “a partícula de Deus”. Com um microscópio eletrônico, muito menor que aquela máquina, um pouco de visão, daquela que Jesus diz: “tem olhos mas não veem”, teriam facilmente deduzido que, em um átomo pelo seu ínfimo tamanho e seus elementos de infinitesimal tamanho, manterem-se em equilíbrio por uma eternidade sem se desestruturarem, a menos quando a mão do homem intervém, já seria a prova mais que suficiente que não pode ser um acaso e que há uma energia que os sustenta, porque são também uma vibração do “campo” em uma frequência que o diferencia dos outros, formando uma individualidade. Sintetizando tudo, poderíamos dizer que é a energia de Deus em ação.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 12 Maio 2020 - 9:29

07/02/2018
A fortuna do imbecil sempre cresce, porque não consegue desvencilhar-se dos liames que a matéria trança ao redor de seu pescoço. A insanidade deles é tão grande que não conseguem perceber que aquilo que têm agora seria o suficiente para viverem mais de duzentos anos, com toda a mordomia e sem se preocupar com o dia de manhã. Seu consciente exterior é tão bitolado pelo ouro e pela prata que, aos seus olhos, nada mais existe e lhe dá a sensação de que o volume desses bens que possui é que vão lhe proporcionar a felicidade. Felicidade falsa, que se poderia chamar de ego coroado, de orgulho e de ganância. Pode até dizer-se seguidor do Cristo, mas não dá atenção às suas palavras. “A felicidade não é deste mundo”. Quando o ganho é demasiado, alguém sempre paga por ele. Dessa forma, até dá para concluir que esse ganho demasiado tirou o pão na mesa do pobre, tirou o remédio de doente, tirou-lhe também a cama no hospital e, muitas vezes, tira-lhe até a dignidade de viver. Por isso, chamo a fortuna do imbecil, porque está granjeando carmas para sua próxima existência, quando não tenha que ser degredado para mundos inferiores pela sua degradação como ser humano em só amontoar tesouros para si em detrimento do restante da população. “Cada um colhe aquilo que plantou”.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 13 Maio 2020 - 9:34

08/02/2018
Ao menos aqui na nossa terra, o ser humano não é capaz de analisar as coisas pela ótica da lógica e da razão. Usa premissas as mais variadas para justificar o seu ponto de vista, embora errado, mas o defende com unhas e dentes. Suas análises não passam de justificativas pífias de seu pensar e agir. Mesmo que toda a sua lógica vá contra o bom senso e sua convivência harmônica, usando todos os subterfúgios para justificar a sua insanidade. Parece que isso está se acentuando demasiadamente, especialmente aqui no Brasil, onde seus habitantes tornam-se anestesiados pela falácia fácil de mentes insanas que só buscam destruir aquilo que com muito custo conseguiu-se melhorar na convivência de seus habitantes. Souberam muito bem montar um circo para tornar uma população quase inteira escrava de seus desejos e dedicando-se quase exclusivamente a satisfazer necessidades impostas por uma mídia totalmente vinculada àquelas justificativas que consideram de primaz importância, levando a população a retornar ao tempo romano, onde o povo era aprisionado pelo desejo de César que lhe dava “panem et circenses”. Podemos dizer que aqui está igual. Tendo o carnaval e futebol está de bom tamanho, mesmo tendo que suportar a guerra de traficantes e a usurpação patrocinada pela política. Uma bala perdida mata um aqui, a falta de remédio, leitos nos hospitais, não tem importância, o que vale é o carnaval e o futebol.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 14 Maio 2020 - 8:57

09/02/2018
A evolução de cada um é de sua responsabilidade. Nem Deus, ou qualquer de seus emissários, intervém do Livre Arbítrio de quem quer que seja. A incompreensão da Divindade e sua intercessão no universo é muito mal-entendida pelas religiões, que atribuem a Deus o resultado dos atos dos homens. Deus criou as Leis que regem as individualidades e o universo e, como diz no livro “Conversando com Deus”, “Ele apenas observa”. No entanto, a formação que é passada é que Deus é como uma locomotiva para um trem, ou fica puxando ou empurrando cada vivente, e este fica como que se embalado em uma rede de balanço. Não precisa fazer nada, porque Deus faz tudo. Onde está o mérito ou o demérito de seus atos? Não diz o Cristo: “a semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”? Ou, em outra passagem, “não passará nem um til, nem um jota, da Lei sem que tudo seja cumprido”? Será que o Cristo estaria mentindo para a humanidade, ou é a nossa preguiça mental que nos impede de analisar o ensino de Jesus e ver que não pode ser da forma como estamos entendendo a interseção Divina em nossa vida? Isso é de extrema importância, pois, do seu entendimento, depende a nossa ação e reação no universo em que estamos inseridos. A síntese disso está também nas palavras de Jesus, “não se colhe figos dos espinheiros”. “Cada um colhe os frutos das sementes que plantou”. Portanto, nossa vida depende de nós mesmos.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 15 Maio 2020 - 9:18

10/02/2018
A paz de espírito é tudo o que o espírito ora encarnado busca para sua realização, quando na matéria. Ele sabe que é na matéria que tem a melhor chance de evoluir, embora o consciente exterior do seu corpo não esteja ciente de suas necessidades, pois não foi experienciada pelos seus cinco sentidos, que funciona mais ou menos como um selecionador daquilo que fica arquivado em seus arquivos. Isso forma como que uma barreira que bloqueia aquilo que não consta em seus arquivos, especialmente quando seu consciente exterior é bloqueado por pré-conceito de fundo filosófico-religioso, que é o maior entrave que possa existir para aqueles conhecimentos que são liberados pelos mestres do mundo espiritual para auxiliar a humanidade a evoluir de forma mais rápida e com o conhecimento do porquê de tal conhecimento ter sido retirado o Véu de Secreto. Nada que é liberado pelo mundo espiritual à humanidade é feito sem um objetivo específico, e, na maioria das vezes, é para lhe dar um empurrão evolutivo e acordá-la para a pré-visão do que a espera quando seu corpo físico não puder mais suportar o espírito, quando então se liberta para voltar à Pátria que será sua para toda a eternidade.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 16 Maio 2020 - 9:15

11/02/2018
Quando o ser humano iniciar a entender a Divindade, ele entenderá também a sua própria existência, a sua inserção no universo. Até agora, com raras exceções, e individualmente, não de forma coletiva, esse entendimento da Divindade se faz presente no consciente exterior desses indivíduos. Daí, vêm algumas expressões que ditaram; Sai Baba diz “Eu sou Deus e você também é eu sei que você precisa sabê-lo”. Jesus diz “Eu e o Pai somos um”, “Eu estou no Pai e o Pai está em mim”. Isso demonstra o perfeito entendimento que tinham como referência à Divindade. Entendiam-se participantes, unos, congregando-se plenamente com a grande realidade, que a maioria da humanidade ainda não conseguiu entender; “Deus é tudo e tudo é Deus”. Tem apenas a ideia de um soberano, sentado em um trono, doador a uns e esquecido de outros, milagreiro, um beneficiador quando necessário e aos que souberem puxar-lhe o saco. Um Deus que mais parece uma locomotiva de trem, que puxa ou empurra conforme a necessidade de cada um. O seu Deus somente serve para as suas necessidades, no mais, é esquecido e recorrem a Ele quando acorda lhes aperta o pescoço. No mais, é ignorado, quando não é simplesmente negado. Enquanto houver essa forma de entendimento da Divindade, ainda estará mergulhado dentro das mais diversas doenças psíquicas como ódio, avareza, ganância, racismo etc. inclusive tornando-se fundamentalista, em que a única coisa certa é o que pensa, todos os outros estão na contramão da realidade.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 17 Maio 2020 - 10:20

12/02/2018
O desenvolvimento da personalidade, embora seja inata no espírito, pode ser controlada, melhorada, apaziguada por um consciente exterior muito bem formado. O momento exato deverá ser no momento em que ela quiser se impor, então, os responsáveis pela criança precisam agir imediatamente, fazendo o pequeno ser entender os arroubos que facilmente uma personalidade desgovernada pode causar-lhe futuramente, porque, certamente, encontra pelo caminho outras personalidades fortes e descontroladas que facilmente levam tudo pelo lado da ofensa. A suposição de ofensa somada a uma personalidade descontrolada, facilmente descamba para a agressão. Temperamento forte é importante, porque traz com ele a perspicácia, mas precisa ser controlado, porque, caso contrário, leva à agressão. Por outro lado, o temperamento fleumático é como a água morna, não refresca nem esquenta, tem inclusive dificuldade de tomar iniciativas, quer sejam referentes a si ou aos outros. Isso dificulta, inclusive, atitudes relativas à sua própria evolução espiritual, caso em que precisa sempre de um aguilhão a cutucar-lhe o traseiro para que se movimente, busque soluções, haja e interaja com mais denodo em sua intercessão no universo onde está inserido. A personalidade, embora seja a Carteira de Identidade do espírito, sempre pode ser melhorada pela vontade do próprio espírito e o consciente exterior também ajudar.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 18 Maio 2020 - 9:15

13/02/2018
Normalmente, as pessoas usam o nome de Deus indevidamente, como diz o segundo mandamento: “Não tomar o nome de Deus em vão”. É muito comum uma situação em que meio mundo vê: um jogador quando faz um gol, olha para cima e aponta com os dedos indicadores para o céu. Não sei o que dizem ou pensam naquele momento. No meu parco conhecimento, parece-me que isso contradiz o segundo mandamento. Isso não se vê somente com jogadores de futebol, mas todos agem de forma semelhante, como se fossem selecionados e escolhidos para Deus botar o seu “dedo” em tudo o que fazem. Aliás, estou me contradizendo, como Deus, uma energia, que não tenho forma física, terá um dedo? Apesar de que, para melhor entendimento, é a expressão mais usada quando se referem a Deus. Agora, se se referirem ao que Jesus diz no Evangelho de João 10:34, ainda seria aceitável, mas quem se reconhece como tal que, em realidade, foi criado de uma partícula de Deus e está aqui na Terra, em um corpo físico para experienciar o conhecimento Divino. Nos falta o conhecimento das grandes realidades existenciais, tanto de nossa individualidade, como de nossa inserção no universo, e também os resultados de nossos pensamentos, palavras e obras. Especialmente entender umas sentenças de Jesus: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”. “Não se colhem figos dos espinheiros”. “Não passará da Lei nem um til, nem um jota, sem que tudo seja cumprido”. “João 10:34 “Vós Sois Deuses”.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 19 Maio 2020 - 8:41

14/02/2018
Todo o poder está no pensamento. Este é o gerador de todas as coisas. É a partir dele que se comanda o universo para que crie aquilo que desejamos, pois o universo é o deposito onde existem todos os elementos que formam tudo o que há e o que haverá, através da criação do Deus Uno, de qualquer outro ser que, desenvolvendo-se, também tornou-se Deus, e por todos os seres criados que ainda estão a caminho do desenvolvimento espiritual, dentro de seus reinos e evoluções. No Livro Sagrado, ao criar, Deus disse: “FAÇA-SE”. A palavra é a expressão do pensamento. O sentimento, a ação é que dá a forma daquilo que o pensamento criou. Portanto, tudo está sediado no pensamento e este é criado no astral, no outro lado da matéria. Dependendo da intensidade e da constância, ele surge também no mundo físico, em forma de inventos, evolução ou carma a ser resgatado. Isso é tanta verdade que os cientistas russos comprovaram que a palavra consegue modificar até o DNA. E a palavra é a expressão do pensamento. Por isso, é importante controlar nosso pensamento, porque pode voltar-se contra nós mesmos. Diz Deus no livro “Conversando com Deus” que “O universo tira uma xerox de nossos pensamentos e os devolve”.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 20 Maio 2020 - 9:25

15/02/2018
A busca do Divino precisa ser uma preocupação constante. O homem moderno, na azáfama de satisfazer seu ego e as vaidades, esqueceu dessa tão importante necessidade do espírito humano. Deixou-se levar demasiadamente pelo ouro e pela prata, assim, não deixando o lugar para a sua própria essência, aquela que comanda toda a estrutura físico-orgânica de seu corpo, desde os menores dos átomos que o compõem ao intrincado labirinto de células nervosas que comandam toda essa estrutura, sem mesmo ter que se preocupar com as próprias necessidades básicas do seu corpo, pois lhe é dado o sinal, que precisa ser obedecido. A civilização poliu o exterior do corpo, e aquilo que apresenta aos outros, mas, em contrapartida, o fez esquecer o “Deus” que habita dentro de si. Os povos antigos, e, hoje, as tribos indígenas, ainda mantêm essa ligação com o Divino, nas mais variadas expressões que suas mentes podem entender: no sol que diariamente aparece e desaparece; na lua que vagarosamente vai mudando sua apresentação; nas matas que são seu abrigo e lhe dão o sustento; e alguns povos também nos animais, mas todos, diariamente, entravam em contato de adoração e louvor a esses seres que consideravam como Divindade, e que, em realidade o são, pois “tudo é Deus e Deus é tudo”.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 21 Maio 2020 - 8:51

16/02/2018
Quando o espírito consegue dominar o corpo físico que usa, e o consciente exterior tiver recebido uma boa formação, então podemos dizer que este é um ser pacífico. A paciência é uma característica daqueles que conseguem dominar perfeitamente essa máquina que por si só já é extremamente volúvel, que se julga dono da verdade. Só é válido aquilo que pensa e faz, todos os outros estão andando na contramão. Mas, quando isso é dominado por um consciente exterior que sabe exatamente o que pode e o que não pode fazer e um espírito que lhe intua os caminhos a seguir, então teremos um ser pacífico, que pensa antes de falar, analisa antes de agir e por isso se torna um ser iluminado e apto a receber as inúmeras luzes do alto que vão abrir paulatinamente os circuitos de seu DNA, tirando o Véu de Secreto sobre conhecimentos que o levarão cada dia mais próximo do seu objetivo de criação, a mestria. Os seres que apresentam essa característica de mansuetude são os aptos a serem instrutores e distribuidores de novos conhecimentos. Poderíamos até dizer: são o canal que os mestres do mundo espiritual usam para disseminar esses conhecimentos que vêm com o objetivo de empurrar a humanidade a uma evolução mais rápida.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 22 Maio 2020 - 9:01

17/02/2018
O estágio evolutivo em que estamos, por si só, já é um limitador de conhecimentos. Há um século estávamos, comparativamente à evolução material, na idade da pedra. O rádio recém começava a surgir; a televisão não existia; o celular menos ainda; o telefone tão rudimentar como, comparativamente, uma enxada hoje para um grande produtor. Da parte das ciências humanas, o conhecimento deu um salto de gigante. E o conhecimento do espírito, aquilo que está do outro lado da matéria? Este, com raras exceções, continua como a um século atrás. Parece que o ser humano só vê conhecimento naquilo que é visível e palpável aos seus sentidos obtusos, como se somente existisse aquilo que cabe em seu cérebro, mal aproveitado, pois usa somente 10% de sua capacidade, mesmo assim, considera-se senhor de todo o conhecimento. A incapacidade de dizer como o filósofo: “a única coisa que sei, é que nada sei”. Mas o seu ego coroado o coloca como o suprassumo do conhecimento, mesmo se o que possui não passe do diâmetro de seu umbigo. A incapacidade de abrir seu consciente exterior ao novo, aquilo que por ora é desconhecido e lhe parece incompreensível, não passa do próximo passo que precisa dar na sua evolução espiritual. “Se a gente não tem vontade de inovar, nunca vai sair do passado”. Sandra Passarinho.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 23 Maio 2020 - 9:44

18/02/2018
Uma coisa que está se avolumando muito no mundo da matéria, entre o empresariado, é a meritocracia. Avalia-se e remunera-se melhor aquele empregado que apresentar resultados em sua atividade. Podemos afirmar que isso é uma constante e permanente realidade quando nos referimos ao mundo espiritual. Não que alguém vai nos avaliar e nos remunerar. Isso já está na Lei que Deus estabeleceu para o universo, digamos assim, tem uma consequência imediata e sem interferência de terceiros. No mundo da matéria, o resultado é visualizado e recebido imediatamente. No mundo espiritual, o resultado só é visto, percebido, quando o espírito se separa do corpo físico e retorna ao mundo espiritual. E, em se tratando do mundo espiritual, tudo terá a sua remuneração ou o seu resgate. Nossos pensamentos, nossas palavras e nossas obras deixaram rastros que surgirão neste momento, mostrando-nos seu resultado. Não foi por nada que Jesus disse: “Não passará da Lei nem um til, nem um jota, sem que tudo seja cumprido”. Isso nos dá a diretriz para pautarmos o nosso proceder. O grande problema é que não ligamos as palavras de Jesus com a nossa vida, julgando que isso é para os outros.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 24 Maio 2020 - 10:17

19/02/2018
Vamos fazer uma comparação, até simplória, da nossa evolução espiritual. Digamos que se assemelharia a uma corrida de obstáculos, em que o competidor compete contra si mesmo. Os obstáculos, todos os conhecemos, quando estamos imersos na carne. A intrincada vivência do dia a dia, cada dia apresentando algo para ser vencido, e não pode ficar para depois. As vitórias alcançadas e as derrotas sofridas também. As dificuldades de inserção no conhecimento humano nas escolas. A convivência social, tanto no ambiente escolar como no ambiente familiar e depois no grupo de amizade. A dificuldade de convivência em ambientes repletos de drogas, iniciando pelo álcool, drogas e posteriormente as drogas sintéticas. O entrosamento na formação da família, a chegada dos filhos e a obrigação de dar-lhes princípios e limites, que é a base do encaminhamento deles para suas corridas de obstáculos. Precisamos vencer cada etapa de nossa corrida para cumprir a nossa parte na nossa competição. É certo que, nessa corrida, teremos muitas vitórias e também algumas derrotas, mas o resultado final é que vai estabelecer o parâmetro de nossa conquista. No que concerne à nossa corrida quando do outro lado da vida, bom, isso teremos que escrever quando estivermos lá.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 25 Maio 2020 - 9:09

20/02/2018
A coisa mais importante que afeta aos pais com relação a seus filhos é formar o seu consciente exterior. Essa ferramenta inata em cada corpo físico, está muito próxima da consciência. O consciente exterior é como um livro em branco, que precisa ser escrito desde o ventre materno. A forma como a mãe expressa seus sentimentos, o ser em formação já vai absorvendo essa energia. Igualmente acontece com o pai, no trato e na convivência com a mãe. Mas a principal modelagem precisa ser feita a partir do nascimento, quando desligado da mãe, começa a viver por si só, isto é, independentemente do ventre materno. Aqui começa o principal cuidado que deverá ter, tentando corrigir as pequenas demonstrações de rebeldia e vontade própria. Os primeiros cinco ou seis anos são de extrema importância, pois é neste período que os pais precisam estabelecer os princípios e os limites para nortear satisfatoriamente a formação do consciente exterior, e, junto a isso, vem a preparação para ser um bom instrumento para o espírito, para poder agir e interagir na matéria densa com maior propriedade e proveito, para cumprir o planejamento de sua reencarnação. Grande parte do cumprimento do planejamento se deve a um consciente exterior bem formado, que, inclusive, pode dar suporte à evolução do espírito.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 26 Maio 2020 - 9:19

21/02/2018
Deus é muito maior do que pensa a nossa vã filosofia. Acostumamo-nos a classificar Deus de acordo com as nossas necessidades, ou como aquilo que julgamos ser nossa necessidade. Inclusive as religiões julgam o Deus como sua propriedade, e são os únicos que detêm a verdade. A nossa pequenez nos faz comparar Deus de acordo com nosso tamanho, e isso nos leva a cometer um erro do tamanho do universo. Somente uma dica: Deus pode ser medido pelo tamanho do átomo; pelo tamanho de um ser; pelo tamanho de um planeta; pelo tamanho de um sistema solar; pelo tamanho de uma galáxia; pelo tamanho da galáxia de galáxias e pelo tamanho do universo. Reduzindo isso a um simples fato: “Deus é tudo e tudo é Deus”. No momento em que conseguirmos intelectualizar essa simples verdade, teremos conseguido intelectualizar a Divindade e a ela louvaremos, a Ela adoraremos, porque cada ser, do átomo à galáxia é parcela desse ser que chamamos de Deus, dentro do mundo espiritual maior, é chamado de “A Grande Energia”. Toda a energia que a ciência dos homens conseguiu identificar tem em realidade um só nome: “Deus em ação”, por um simples fato: sem essa energia, nada pode existir, porque é ela que dá a vida e a existência a todos os seres.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 27 Maio 2020 - 9:22

22/02/2018
“Na casa de meu pai há muitas moradas”. Jesus também chama: “no reino dos céus”. Realmente, do outro lado da vida, na vida após a vida, próximo da Terra, há, sobre os países, uma quantidade grande de Colônias Espirituais. Muitas possivelmente maiores que alguns estados brasileiros. Nas nossas atividades, temos contato permanente com uma Colônia Espiritual chamada Gramado, que possui quatro núcleos avançados de atendimento: Das Orquídeas, dos Girassóis, do Guaíba e da Estrela D'Alva. As colônias espirituais são cidades com toda a estrutura necessária, que até poderíamos dizer que aqui na matéria é uma pálida ideia do que é uma Colônia Espiritual. É dessas Colônias Espirituais que partem os socorristas para atender os seres encarnados e os que desencarnam. Aqui no planeta, essas Colônias Espirituais podem localizar-se mais próximo ou afastado da crosta terrestre, de acordo com a evolução dos espíritos que lá habitam. É claro que essas colônias não estão ao nível físico, mas ao nível espiritual, e são tão reais como se fossem localizadas ao nível da matéria. Além dessas Colônias para a terceira dimensão, há planetas inteiros para as diversas dimensões, que alcançam 26. Todas essas formam a “Casa do Pai” como diz Jesus, e depende de cada um evoluir para granjear a melhor posição para a evolução que apresentamos.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 30 Maio 2020 - 9:43

23/02/2018
Deus não pode criar nada imperfeito, caso contrário, não seria Deus, já que Ele é onipotente, onisciente e onipresente. Deus, ao criar o espírito, o fez perfeito de uma partícula Sua. Ao criar a matéria, também a fez perfeita. Tudo o que não representa a perfeição não foi criação de Deus, mas do próprio homem, que carrega a imperfeição. Portanto, todos os males que recaem sobre o ser humano são de responsabilidade do próprio ser e de mais ninguém. O ser humano acostumou-se a ler, especialmente os Livros Sagrados, sem, no entanto, entender a mensagem impressa. Em diversas passagens, vê-se a chamada de atenção para a responsabilidade do ser pelas suas criações, que são o resultado de seus pensamentos, de suas palavras e de suas obras. Talvez os Livros Sagrados não falem de que os pensamentos são criados no mundo astral e depois precisam ser exorcizados, e, mais recentemente, Saint Germain diz que precisam ser queimados com o Fogo da Chama Violeta. Advém disso a quantidade de resgates que temos que fazer, especialmente as provindas de vidas pretéritas, que impactam a nossa vida atual, e que, muitas vezes praguejamos as imperfeições que recaem sobre nosso corpo. Duas citações do Cristo demonstram claramente: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”, e, “Não passará nem um til nem um jota da Lei sem que tudo seja cumprido”.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 31 Maio 2020 - 9:47

24/02/2018
Pela incompreensão da Divindade, as religiões criaram um Deus vingativo, cobrador, parcial, de acordo com a maior ou menor capacidade de puxar-lhe o saco, ou então um Deus doador, que ao seu bel-prazer dá a uns um berço de ouro e à grande maioria um berço de palha, ou simplesmente a terra-nua para servir de berço. Um Deus que dá e tira. Fazendo uma comparação: um Deus como uma locomotiva, que puxa ou empurra conforme a necessidade do ser humano. Um Deus representado para uns como um velho barbudo, com o dedo apontado para os homens, como que a condená-los. Um Deus sentado em um trono e que fosse o responsável por tudo o que acontece aos seres humanos. Esse Deus não existe. Deus é uma energia, que, no Mundo Espiritual Maior, é chamado de “A Grande Energia”. Essa energia se expressa em tudo no universo; nos elétrons em torno do núcleo do átomo para manter-lhe a estabilidade; nas miríades de átomos que, aglomerando-se, formam os corpos multicelulares, fazendo com que tenham inter-relacionamento entre si, possibilitando o perfeito funcionamento do ser material; na força que agrega os planetas em torno de sua estrela e as estrelas em torno do sol central ou buraco negro, formando as galáxias; e congrega também galáxias de galáxias. Este é o Deus que precisamos intelectualizar. Este é o Deus que não interfere no Livre Arbítrio de quem quer que seja, “apenas observa” suas Leis regerem todo esse universo que é sustentado por sua energia.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (PUBLIT.COM.BR) - LIVRO 18

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 1 Jun 2020 - 8:53

25/02/2018
Deus é uma energia que se expressa em tudo no universo. Em cada ser existente, Ele estabelece uma morada, para dar ao ser a existência no universo. As muitas formas como Deus é intelectualizado pelos seres humanos estão muito mais na ignorância de Sua realidade do que na essência que Ele é. A falta de conhecimentos, a preguiça mental de perquirir e de buscar conhecimentos fazem com que se idealize uma Divindade muito mais pelas nossas necessidades e engrandecimento do ego do que para a compreensão da verdadeira dimensão em que Deus está. Normalmente, o ser humano não busca o entendimento da Divindade, mas a satisfação de suas necessidades, criando, assim, um Deus inexistente, como diz Deus no livro “Conversando com Deus”: “As teologias humanas são a tentativa da humanidade de explicar um Deus insano que não existe”. Em outra passagem, diz: “Deus apenas observa”. O ser humano, na ânsia de satisfazer o seu ego e a sua vaidade, cria um Deus que em realidade não existe. No entanto Deus apenas criou as Leis que regem o universo e as individualidades. Deu a cada ser parcela de Si próprio. No mais, é como Jesus nos diz: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”. Cada um planta o que quer e colhe o fruto do que plantou. Não podemos esquecer que a semeadura é feita por nossos próprios pensamentos, que são criados no astral e depois retornam a quem os criou.

Faccio Miguel

Mensagens : 893
Data de inscrição : 28/09/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

 PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12 - Página 40 Empty Re: PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 40 de 41 Anterior  1 ... 21 ... 39, 40, 41  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum