PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Página 9 de 19 Anterior  1 ... 6 ... 8, 9, 10 ... 14 ... 19  Seguinte

Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 29 Nov 2017 - 9:40

10/12/2015
No livro “Conversando com Deus”, há uma frase que diz: “As teologias humanas são a tentativa da humanidade de explicar um Deus insano que não existe”. Por incrível que pareça, mas é a verdadeira realidade. Propriamente, cada segmento religioso se considera o possuidor do conhecimento Divino, como se o conhecimento Divino fosse uma estação de metrô ou de ônibus, onde cada um pega a condução de sua linha, levando-o para uma condição que supõe sua explicação insana de Deus. É preciso abrir os olhos e a mente para ver que os conhecimentos liberados para a humanidade seguem o desenvolvimento que a humanidade alcança. Quando parte da humanidade estiver pronta, há a liberação de novo conhecimento, que tem o objetivo de acelerar o desenvolvimento humano. Quem acompanhar, evolui, e quem ficar preso àqueles conceitos passados, fica lá, achando que Deus enfiou todo o seu conhecimento dentro de um balde e derramou sobre suas cabeças, como que dizendo: “Aqui está o Meu conhecimento, nada mais resta”. Insano, não foi capaz de perceber que sua cabeça é muito pequena para absorver o conhecimento Divino.



11/12/2015
Os caminhos que trilhamos são a consequência daquilo que preparamos em nossas vidas passadas. Temos dificuldades de toda a ordem nessa caminhada, e, no entanto, continuamos a amontoar pedras e a plantar espinhos na estrada que iremos percorrer em nossa próxima encarnação. Somos tão imprevidentes que temos a maior dificuldade nesta existência e, no entanto, continuamos a criar as mais diversas formas de criaturas para exorcizarmos em próxima existência. Há dois mil anos o Cristo nos prevenia dizendo: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”. Tudo está na Lei estabelecida por Deus para reger o universo, e está impressa em nosso DNA. Portanto, não podemos fugir do cumprimento dessas Leis e tudo o que a infringirmos, teremos que ressarcir. Nas próprias palavras do Cristo, Ele nos previne de que nada passará impune, e, também, nada de bom que você faça será esquecido, tudo terá a sua recompensa. Jesus dizia: “Não passará da Lei nem um til nem um jota sem que tudo seja cumprido”. Mesmo sabendo que nada passará sem a devida remuneração, continuamos a juntar pedras e a plantar espinhos.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:45, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 30 Nov 2017 - 8:46

12/12/2015
A vida é a condição primeira da Divindade. É como a Divindade se expressa diante do universo. Deus é uma energia. Os seres mais evoluídos o chamam de “a Grande Energia”. Isso expressa a maior capacidade de intelectualização da Divindade. Essa energia se espalha pelo universo, vivificando a todas as coisas. A energia não é visível ao olho humano, somente se observa a sua ação, e seu resultado é a vida. Por isso que as religiões dizem que Deus é onipresente, onisciente e onipotente. Foi a forma de suas mentes intelectualizarem esse Deus. Foi a melhor forma de expressar a sua ação no universo. As leis naturais que a ciência dos homens conseguiu catalogar, nada mais são do que a tentativa de explicar essa ação de Deus, desde o micro ao macrocosmo. Assim é possível intelectualizar melhor as palavras de Jesus: “Vós sois Deuses”. Isso porque a ação dessa energia está dentro, dos lados, em cima e embaixo de tudo o que existe. Assim, é onipresente, como também onisciente, pois vê e está consciente de tudo. Como está em tudo, vê tudo, torna-se onipotente. É assim que vejo Deus.



13/12/2015
A dificuldade do consciente exterior do ser humano ligar-se com sua essência, que é quem lhe mantém a vida, está na falta de educação, que não lhe foi administrada durante sua infância. Largado ao léu pelos que tinham a responsabilidade de o preparar para sua entrada no mundo, mesmo sem ser do mundo, terá condições de desviar-se do caminho a que se prepara antes de retornar ao corpo. O maior desastre da humanidade está exatamente no despreparo e na incapacidade dos pais de formar o caráter desse pequeno ser que foi posto a seu cuidado. Existe um ditado popular que diz: “É de pequenino que se torce o pepino”. Nada mais correto. Aquilo que se fizer ao recém-chegado à matéria é que o conduzirá para a entrada no comando de sua vida, dando-lhe, assim, condições de cumprir a programação feita antes de descer à matéria. Aqueles pais que não foram capazes de encaminhar o pequeno ser para viver no mundo, sem ser do mundo, terão que amargar ver a sociedade pôr um freio em seus filhos, aos quais não foram capazes de pôr.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:45, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 1 Dez 2017 - 7:47

14/12/2015
No ensino do Cristo, Ele disse: “Pedi e recebereis, buscai e achareis, batei e abrir-se-vos-á”. Sempre que paramos, interiorizando a nossa mente, e elevando o pensamento ao Pai e lhe suplicamos qualquer coisa, com certeza receberemos. Isso não quer dizer que iremos receber exatamente aquilo que pedimos. Certamente receberemos aquilo de que necessitamos naquele momento. Os nossos pedidos muitas vezes se revestem das necessidades do orgulho e da vaidade, que, com certeza, não serão recebidos. Agora, se o pedido vier revestido da simplicidade e da humildade, com certeza será recebido, embora, muitas vezes não seja percebido pela nossa mente, pelo consciente exterior, que na maioria dos humanos não está preparado para esse contato com as coisas espirituais, foi educado exclusivamente para as coisas da Terra.



15/12/2015
A evolução do espírito está condicionada à superação das dificuldades que terá que passar durante suas enésimas existências. A cada grau de dificuldades que supera, eleva-se, até alcançar um parâmetro tal que o capacita a entrar em uma dimensão mais elevada. Uma das coisas que por ora ainda é desconhecida pela maioria dos humanos, é que o espírito humano tem vinte e seis dimensões de evolução e todos passaremos por elas em um tempo muito longo, contado talvez em éon de tempo e uma quantidade grande de encarnações. Esse tempo e essas encarnações podem diminuir se o espírito acelerar o seu passo evolutivo e empreender uma corrida evolutiva. Quanto mais depressa andar, mais rapidamente chegará ao apogeu de seu desenvolvimento espiritual. Tudo depende do espírito. Ele é quem determina, pelos seus pensamentos, pelas suas palavras e pelas suas obras, a velocidade que dará à sua evolução. Isso ele conseguirá, conforme conseguir dominar o corcel que usa para interagir na matéria densa.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:46, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 2 Dez 2017 - 9:31

16/12/2015
O espírito, criado a partir de uma partícula Divina, na simplicidade e na ignorância, tem um o objetivo bem definido: experienciar o conhecimento Divino e evoluir por sua própria vontade. A experienciação do conhecimento sempre a fará, seja consciente ou inconscientemente. Essa é a sua participação para que Deus possa conhecer-se quem é. O simples fato de estar no corpo físico, o condiciona a essa experienciação. Como consequência disso, fará também a sua própria evolução, de degrau em degrau alcançará a sua evolução plena que se estende até a vigésima sexta dimensão que o espírito humano pode galgar. Em cada degrau, precisa passar por enésimas encarnações, para confirmar a sua capacidade de conscientemente interagir na matéria densa. É aqui que se aplicam as palavras de Jesus, “E fareis coisas ainda maiores que as que eu faço”. Isso pelo simples fato de que, quanto maior a evolução do espírito, maior será o seu contato com a fonte de todas as coisas, o seu “EU SOU” e o próprio universo que responderá instantaneamente ao pedido de um espírito que se encontra nesse estágio evolutivo.



17/12/2015
As conquistas que o ser humano faz em todos os ramos da atividade humana, como também na atividade espiritual, têm um atributo importante que lhe deu as bases dessas conquistas. Esse atributo é o pensamento, que há muito tempo vem preparando, digamos assim, o universo para retribuir todas as criações que levaram à conquista daquilo que havia proposto há bastante tempo e preparado o resultado, através de seu pensamento constante naquilo que desejava e queria conseguir. É claro que precisou da persistência e da constância na busca daquele resultado, e o universo, que sempre retribui, como diz o livro “Conversando com Deus”: “O universo tira uma xerox de nossos pensamentos, palavras e obras e nos devolve para colhermos os frutos”.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:46, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 3 Dez 2017 - 13:52

18/12/2015
Conhecimento é que nos faz avançar no desenvolvimento tanto material como espiritual. O conhecimento a nível material é visível, é provável e está disponível à humanidade que dele estiver disposta a fazer uso. É esse conhecimento ao nível da matéria que é impulsionado pelo desenvolvimento espiritual, que, no entanto, não é percebido pela maioria dos humanos, e mesmo pelas religiões que não admitem sequer a continuação da vida após a vida, quanto mais a interferência dos que estão na vida após a vida, na vida do lado de cá da porta que separa o mundo visível do mundo invisível. Sem a interferência do mundo espiritual no mundo físico, muito pouco ter-se-ia avançado no desenvolvimento das ciências dos homens, porque, com a morte daquele que desenvolveu um invento, grande parte dele morreria junto, porque no desenvolvimento de um invento o conhecimento utilizado e a técnica seriam levadas junto com a morte do inventor. Precisa, assim, recomeçar tudo novamente, dificultando a disseminação do conhecimento adquirido pelo inventor.



19/12/2015
Os dons divinos, que a humanidade diz que Deus dá isso, Deus dá aquilo, nada mais são do que aquilo que se buscou em certas condições e que o universo concedeu. Precisamos nos conscientizar de que Deus não dá nada a ninguém. A única coisa que nos deu foi uma partícula de sua própria essência, condicionada às leis que regem o universo. Porque, se Deus der algo a alguém e não der a outro, estará sendo injusto. Se Deus o fizesse, não seria Deus. Isso é líquido e certo. O que nos falta é conhecimento daquela energia que chamamos de Deus. Deus não dá nada e nem tira nada de ninguém. Através do pensamento, cada ser humano cria o seu próprio universo. Aquilo que criar, será responsabilidade sua e somente sua. O pensamento nos torna iguais a Deus. Jesus, nas suas pregações, falava dos “pecados por pensamentos, palavras e obras”, indiretamente nos chamando a atenção, porque são o poder criador e, depois que algo foi criado, torna-se responsabilidade de quem as criou.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:46, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 4 Dez 2017 - 8:42


20/12/2015
A evolução do espírito, em qualquer de seus reinos é feita através de constantes pequenas aquisições, durante muito tempo. Essas aquisições são as experiências que são realizadas em suas mais variadas etapas de existência, que somadas vai levando o ser a estágios evolutivos. As somas desses estágios evolutivos com as experiências adquiridas gabaritam o espírito a novas experiências, que somadas abrem a perspectiva de ascender a uma oitava superior de evolução. Pode-se, para entendimento, comparar a evolução do espírito com a evolução de uma criança. Desde os primeiros dias de sua chegada à matéria começa paulatinamente, a adquirir conhecimentos, informações e sons que são o presságio de palavras e posteriormente conceitos. Assim, prepara-se para adquirir conhecimentos que somados resultam em evolução. A soma das pequenas evoluções leva, no caso do espírito humano, a galgar uma dimensão mais elevada.



21/12/2015
Aqui na Terra, a evolução é uma pequena imagem do que é a vida no mundo espiritual. Tanto a criança como o espírito têm seu princípio totalmente simples e ignorante, embora sendo uma partícula da própria Divindade. A criança, desde o momento da concepção, desenvolve-se, tem sensações, percebe o sentimento, enquanto no ventre da própria mãe. Desenvolve-se continuamente. Vem à luz e começa a desenvolver o seu consciente exterior. Adquire conhecimentos, evolui nas ciências dos homens. Quanto mais se dedicar, mais rapidamente concluirá a sua formação científica. Da mesma forma, o espírito, ao sair do pensamento, como uma partícula da Divindade, é posto na matéria para experienciar o conhecimento Divino e assim evoluir por seus próprios méritos. Quanto mais conseguir dedicar-se na busca da sua evolução espiritual, mais rapidamente alcançará a sua mestria, que é o coroamento da sua jornada de Deus em evolução. Tanto o espírito, como a criança adquirem o desenvolvimento através de seu empenho e da sua constância na busca da evolução máxima que podem adquirir.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:47, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 5 Dez 2017 - 8:20

22/12/2015
Os desígnios de Deus para a humanidade é que todos alcancem a evolução máxima que está preestabelecida e impressa no DNA de cada ser. Os percalços que cada ser precisa passar são experienciações do conhecimento Divino ou ressarcimento das infrações às Leis estabelecidas por Deus para reger todas as coisas. O consciente exterior da humanidade parece que ainda não se conscientizou das palavras de Jesus: “Não passará da Lei nem um til nem um jota sem que tudo seja cumprido”. Toda a conduta de cada ser humano precisa estar balizada nesta lei, e que os homens fazem questão de esquecer. Qualquer infração a qualquer Lei Natural que os homens cometem, quer seja contra a natureza, ou contra outro ser, terá que ser ressarcida. Isso dentro da mesma infração, quer individual ou coletivamente. Um exemplo claro disso é o deserto do Saara, que há setenta a cem mil anos era uma Amazônia e transformou-se no que é agora pela ganância do ser humano em somente tirar sem permitir que a natureza se restabeleça. Da mesma forma que estão fazendo agora com a nossa Amazônia.



23/12/2015
O grande empecilho para a disseminação de um novo conhecimento, especialmente em se tratando do espírito, é a bitolação a que as mentes humanas estão submetidas especialmente pelas religiões. Até parece que lhes é retirada a capacidade racional. Ficam presas às normas e bases das filosofias religiosas e a elas se apegam como se fosse única tábua de salvação disponível. Em se tratando de religião, a única com a verdade é a que pratica, as outras estão fora da realidade e assim julgam-se detentoras dos conhecimentos Divinos. Bem fala Deus no livro “Conversando com Deus”, quando diz: “As teologias humanas são a tentativa da humanidade de explicar um Deus insano que não existe”. As religiões precisam abrir os olhos para uma realidade descoberta pela própria ciência dos homens, que o ser humano não usa mais de dez por cento da capacidade cerebral. Isso significa que não pode absorver todo o conhecimento. Dessa forma, não pode ser detentor dele, apenas de parcelas. Assim, o conhecimento de um pode não ser o de outro e isso não quer dizer que não estejam ambos certos. Eu diria: “Não desenhe as verdades dos outros porque diante de Deus elas podem ser mais plenas que a sua verdade”.



Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:47, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 6 Dez 2017 - 9:11

24/12/2015
Neste dia em que a cristandade se reúne para comemorar o nascimento de Jesus, que não seja somente uma comemoração material. Que cada criatura possa, ao menos em um momento de seu dia, elevar o seu pensamento ao homenageado dessa data, para que se faça presente não só nos presentes que se dão aos familiares e amigos, mas que também se faça presente no coração de cada ser humano, preenchendo, assim, especialmente, a necessidade individual de sua energia e força para congregar todos os homens da Terra num só objetivo: “Somos todos um”. Assim, irmanados, participemos na elevação do planeta para uma energia mais depurada e elevada que transformará a Terra no paraíso em que Adão vivia.



25/12/2015
Neste dia, há mais de dois mil anos, nascia um menino, que fora predito por muitos sábios e profetas. Possivelmente, há mais de três mil anos era anunciada a sua vinda, como aquele que viria para apaziguar os corações dos humanos. O universo corroborou com a sua chegada. As estrelas anunciaram; chegou aquele que traria ao mundo, especialmente, o amor, o amor incondicional, o amor que seria capaz de dar a própria vida para salvar o outro. Os animais foram as testemunhas de sua chegada. Os anjos do céu anunciaram para o universo, ao som de suas trombetas, que chegara o menino, o messias, o anunciado de tanto tempo. Que a humanidade de hoje tenha a coragem de abrir seus corações para receber, para deixar nascer, para dar guarida àquele que foi cantado como o Rei dos Reis, o Senhores dos Senhores. Para que ele possa plenificar todos os corações.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:47, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 7 Dez 2017 - 9:45

26/12/2015
Mais um ciclo solar se prepara para terminar. Nos acostumamos ao fim e início de muitos ciclos em nossa vida, as horas, os dias, as semanas, os meses e os anos que se tornaram uma rotina em nossa mente. Essa rotina nos faz esquecer o principal sentido de cada um desses ciclos. A vida na matéria também é um ciclo e nosso consciente não se apercebeu, especialmente o motivo desse ciclo, em especial para o habitante do corpo físico. O habitante sabe, mas o instrumento, como qualquer instrumento musical, desconhece o músico que o toca. Poderia não ser bem assim. O instrumento musical é apenas um corpo ‘inerte’, mas o corpo físico é um instrumento inteligente e consciente de sua existência e realidade. Apenas não gosta de receber ordens, julgando-se o senhor do conhecimento e das verdades em que está inserido. Esquece-se de buscar no fundo de seu ser algo que lhe indique o porquê de sua existência, em síntese: de onde eu vim? Para que estou aqui? Para onde eu vou? Essas três perguntas precisam ser relembradas a cada final de ciclo, porque é nas respostas delas que encontraremos o sentido da vida é isso que nos traz a força para reiniciar novo ciclo.



27/12/2015
O caminho que temos que percorrer, os espinhos que temos que afastar dele, os animais peçonhentos dos quais temos que nos afastar, a estrada árida e perigosa, bem como todas as adversidades da vida não estão aí por mero acaso. Tudo isso é consequência, assim como diz uma lei da física: “A cada ato, há um ato na mesma intensidade e em sentido contrário”. Nada acontece no universo, quer particular ou total, que não seja consequência da criação do próprio ser humano. Quando iremos nos convencer de que tudo é consequência de nosso poder criador, ao menos daquilo que nos diz a respeito? Poder que nos foi dado por Deus quando de nossa criação como individualidade conscientes, de uma parcela Sua. Essa é a nossa herança por criação e filiação Divina, sermos Deuses como Ele é. Criamos o nosso universo e assim evoluímos até alcançar a nossa mestria. Disso também vem a consequência de nossas criações, as positivas nos elevam e as negativas teremos que ressarcir. O Cristo já nos dizia: “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória” e também, “Não passará nem um til nem um jota da Lei sem que tudo seja cumprido”.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:48, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 8 Dez 2017 - 8:45

28/12/2015
A busca de nossa essência deve ser constante. Precisamos entender que somos uma dualidade, ou seja espírito/matéria. Quando na matéria, o espírito se esconde do consciente exterior e só pode ser intelectualizado através da razão. Esta é muitas vezes mal direcionada pela educação torta que é ministrada ao ser humano desde a mais tenra idade. As bases de todo o conhecimento, especialmente ao que se refere ao espírito, é fixada no consciente exterior do ser humano. Quando há falha nesse importante fator, o ser humano se desvia facilmente de seu contato com a essência, que cada vez mais vai ficando esquecida. Isso vai levando o ser humano a dedicar-se exclusivamente às coisas materiais e desleixar totalmente as coisas do espírito. A educação que lhe é dada desde a mais tenra idade se restringe exclusivamente às coisas materiais, fazendo com que se torne exclusivista, mesquinho, avaro e orgulhoso. O universo só gira em torno de seu umbigo. Os outros e o resto do mundo não lhe interessam, contanto que sua vontade e seu ego sejam satisfeitos.



29/12/2015
O conhecimento não é algo que cai do céu, como acontecia com o maná quando o povo israelita estava no deserto. Precisa-se, antes de tudo, busca-lo. A busca sempre se faz com persistência e constância. Na realidade, o conhecimento é a soma de pequenas descobertas que se agregam umas às outras e cujo resultado é o conhecimento. Isso tudo com relação tanto ao mundo físico como ao mundo espiritual. No mundo físico, com maior velocidade, se espalha e perpetua no seio da humanidade, isso, quando houver mentes aguerridas para levá-lo adiante. Com relação ao mundo espiritual, difere um pouco. O conhecimento precisa ser vivenciado. Todo ele tem o objetivo de acelerar o desenvolvimento espiritual do espírito encarnado. De nada adianta um ser humano, por exemplo, saber tudo sobre os Raios Divinos e não os usar para sua vida, para a limpeza de seu Princípio Divino, o seu EU SOU. Todo o conhecimento ao nível do espírito tem o objetivo de desenvolvimento de cada ser que dele tem ciência. Caso contrário, não teria nem sentido ser retirado o véu de secreto.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:49, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 13

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 9 Dez 2017 - 9:18

30/12/2015
Mais um ciclo próximo ao fim. Resta-nos a última oportunidade de avaliar nosso ciclo que finda. Sempre avançamos, quando estamos empenhados para isso. Se não foi o quanto desejávamos, o mais importante é que não paramos pelo caminho. Tivemos percalços, mas também tivemos vitórias. Talvez a maior delas foi a “Cruzada dos Raios Divinos”. Tateamos ao iniciá-la. Tiramos coragem e esboçamos o primeiro rascunho. Elaboramos o projeto e a mim pareceu estar a contento, mas aos cegos é necessário que lhes digam a posição do Norte. Pedi a confirmação através da Beatriz, ao Projeto Expansão de Luz, e deram o seu ok, necessitando somente ancorá-lo em uma palestra num Centro Espírita. Conseguimos no Centro Espírita Joanna de Angelis, ao qual agradecemos a oportunidade e o engajamento. Pelas poucas notícias que tenho recebido, está-se desenrolando a contento, pois precisamos avaliar também o enfrentamento que terá com as cabeças bitoladas que não admitem nada mais do que aquilo que sabem e que julgam o suprassumo do conhecimento. Precisamos agora confiar na dedicação daqueles que estão na linha de frente e que irão adentrar nas Casas Espíritas para lançar as sementes. Que caiam em terreno fértil.



31/12/2015
Findo está mais um ciclo solar. Muita coisa aconteceu em seu decurso. A humanidade parece que perdeu as estribeiras do bom senso. A convulsão social está fervilhando. Especialmente naquelas sociedades guiadas por preconceitos religiosos, que consideram infiéis aqueles que não comungam das mesmas sandices. Em nosso país, o resultado das sandices de governos despreparados e imorais que só procuram o seu próprio benefício sem se preocuparem com a coletividade a quem estão a serviço. Sangram o suor e o sangue do povo para satisfazer seus instintos canibais, não de sangue, mas da energia, dos bens morais e da tranquilidade social do povo. Assim terminou o ciclo solar de 2015, conturbado, sem que a população tenha conseguido levantar-se contra a insanidade de quem a governa. Esperamos que, ao iniciar um novo ciclo solar a humanidade, ao menos, consiga direcionar seu pensamento, sentimento e ação, especialmente a sua própria essência, donde promana a força para mantê-lo de pé, e lhe dá a condição de sobrevivência e evolução como ser humano em busca de sua mestria.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:49, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 10 Dez 2017 - 9:41

01/01/2016
Hoje inicia-se novo ciclo solar. O final de um ciclo e o início de outro, ao ser desavisado, ao ser inconsciente de sua inserção num universo em constante mudança - resultado das criações do conjunto de habitantes do planeta nas mais diversas épocas -, parece ser obra do acaso. O ser humano precisa estar consciente de que ele é o gerador principal das mutações que o planeta e seus habitantes sofrem. Essas mutações são o resultado do poder criador de cada ser humano e são essas criações que vão impulsionar as transformações de cada ser através de suas criações e à coletividade, sofrendo as transformações causadas pela soma das criações da coletividade, tanto regional, como nacional e planetária. Neste início de novo ciclo, é bom estabelecer metas, buscar novos objetivos para, especialmente, acelerar a evolução individual que deve ser o objetivo de cada individualidade, bem como auxiliar aos que estão ao nosso lado, para que possam também acompanhar a evolução do planeta como um todo.



Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:49, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 11 Dez 2017 - 9:04

02/01/2016
A presença de Deus não se faz de uma forma física. Deus não é matéria, está na matéria, mas não é matéria. O ser humano, bitolado pelo Véu de Maya que encobre a sua percepção daquilo que não é matéria, tem dificuldade de intelectualizar aquilo que foge à visão dos olhos físicos. Por isso, tenta dar a Deus formas que lhe são palpáveis. Deus não pode ser sentido pelos cinco sentidos, pois não tem forma, precisa ser intectualisado pela razão. Em realidade, Deus é energia e ela se manifesta das mais variadas formas, que a ciência dos homens mal está conseguindo identificar algumas. Sem essa energia que chamamos de Deus, o universo deixaria de existir. O núcleo do átomo não conseguiria aglutinar os elétrons que lhe mantêm a estabilidade. Muito menos o sol conseguiria atrair seus planetas, formando seu sistema próprio. Muito menos uma galáxia conseguiria englobar todos os sistemas solares que a formam. Isso tudo não seria possível sem essa energia que chamamos de Deus, que por sua vez fixou as Leis que regem desde o elétron em torno do núcleo do átomo ao andar das galáxias pelo universo sem fim.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:50, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 12 Dez 2017 - 9:29

03/01/2016
Cada passagem do espírito pelo planeta se reveste de características próprias. O espírito desce à matéria com objetivos bem definidos. São três esses objetivos, que podemos classificar assim. Primeiro, experienciar o conhecimento Divino. Essa é a forma em que participamos para que Deus possa conhecer-se como Deus. Isso, consciente ou inconscientemente, se fará, pois somos uma partícula da própria Divindade. Segundo, buscar a própria evolução, que na maioria dos seres humanos é inconsciente, por isso se torna tão difícil essa caminhada evolutiva que necessitará de enésimas encarnações e quiçá algumas eras de tempo ou até éon, para completar essa caminhada que nos levará à mestria, como diz Jesus: “Sede perfeitos como perfeito é nosso Pai que está nos céus”. Terceiro, a situação da maioria dos encarnados é quitar débitos de vidas anteriores. Como nossas encarnações são regidas pelo Véu de Maya, há sempre a possibilidade de infracionar alguma Lei estabelecida por Deus para reger o universo e as individualidades. Assim, de etapa em etapa, vai retirando de sobre a essência Divina sediada no coração as cascas acumuladas durante nossas pregressas existências.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:51, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 13 Dez 2017 - 9:29

04/01/2016
O progresso, no sentido material, como a evolução espiritual, se conquista com dedicação, constância e persistência. Dizia alguém: “O impossível não existe enquanto a gente não desiste”. É a pura verdade. Enquanto se está lutando, seja no sentido que for, nada estará perdido. O impossível, muitas vezes, está somente a um passo. Se continuar mais um pouquinho, deixará de ser impossível para tornar-se uma realidade. Todas as conquistas ao nível das ciências humanas foi assim que apareceram. Se não fora a persistência e a constância de pessoas determinadas, não existiria no rol das conquistas. Da mesma forma, a evolução do espírito precisa ser conquistada, com a diferença que a evolução espiritual é individual e intransferível. Não posso evoluir por outro, bem como o outro não pode evoluir por mim. Ao passo que as ciências humanas, um continua as conquistas do outro, isso pelo simples fato de que a vida na matéria é bitolada pelo tempo e à vida em espírito é pela eternidade.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:52, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 14 Dez 2017 - 9:23

\05/01/2016
Desde os primórdios desta civilização, os enviados de Deus trouxeram conhecimentos e lições para que ela conseguisse evoluir. Seguidamente, novas lições eram trazidas por profetas e sábios que tentavam incutir, nessas mentes duras, novos aprendizados, que na época eram indispensáveis para a evolução social, mas especialmente espiritual do povo. Lições por demais simples, mas de difícil assimilação por aquelas mentes bitoladas, especialmente, pelos ditames da matéria que dificultava a chegada ao coração, dessas lições de vida. Hoje, ainda muitas igrejas continuam batendo na mesma tecla de lições não aprendidas ainda e deixam as lições atuais passarem em brancas nuvens. Aquelas lições são para o homem da época e as lições de hoje são para o homem de hoje, que tentando aprender o que já passou, esquece de montar o cavalo que está passando à sua frente. Não digo que aquelas lições não sejam válidas, mas as que estão a um palmo em frente ao nariz são de primaz importância para a humanidade atual.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:53, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 15 Dez 2017 - 10:05

06/01/2016
O futuro é uma opção formada pela dualidade. A dualidade precisa dos extremos para poder entendê-los e seus meios. Assim, precisa de dois parâmetros, no mínimo, para poder intelectualizar as coisas. Sem um dos parâmetros que lhe dê condições de mensuração, não poderá intelectualizar aquilo que pretende mensurar. Assim só terá condições de mensurar o alto se tiver o conhecimento do baixo; longe se conhecer o perto; grande se conhecer o pequeno. Assim, a dualidade nos permite analisar e intelectualizar as coisas que lhe surgem. O futuro também foi posto na balança como o oposto ao passado. Desta forma, esqueceu que a vida se norteia, se vive, se age e interage no nosso universo somente no presente. O passado foi o presente que já passou, não volta mais. O futuro é algo que nunca vem, pois quando ele chega já é o presente. O futuro é apenas um parâmetro para podermos intelectualizar o tempo que se restringe unicamente ao presente. O presente é o tempo onde podemos agir e interagir na matéria. O presente, o agora, é o tempo de Deus. Para Deus, o passado o presente e o futuro está todo na palma de sua mão.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:53, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 16 Dez 2017 - 9:08

07/01/2016
Todo o princípio está no pensamento. Ele é o gerador de todas as coisas. Assim, como tudo surgiu no universo através do pensamento de Deus e se mantém enquanto o Seu pensamento assim determinar. Esse poder não é somente de Deus, pois, ao criar os seres nos seus mais diversos reinos, deu-lhes esse mesmo poder, é claro, proporcional ao reino de cada espécie. Assim, cada reino continua a obra da criação. Ao ser humano, de forma diferenciada, pois a ele foi dado também o poder de experienciar o conhecimento Divino, pelo fato de que precisaria adentrar em um corpo físico, de forma simples e ignorante, tendo que aprender tudo a cada encarnação, dessa forma, Deus pode reconhecer-se quem é. Em vista de sua liberdade de fazer ou deixar de fazer, através do Livre Arbítrio, teria o mérito ou o ressarcimento daquilo que infracionou a Lei Divina. É através dessa experienciação que o ser humano vai evoluir. Os outros reinos executam a sua programação impressa no seu DNA, e com o empenho com que se dedica a ela, evoluem. Assim, tudo evolui no universo.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:56, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Dom 17 Dez 2017 - 8:35

08/01/2016
A vida na matéria não deixa de ser uma prisão para o espírito. Assim como o ser humano que, por qualquer motivo, está preso. Se o ser humano usa esse período de clausura obrigatória para resgatar, não perante a sociedade, mas perante si mesmo, para corrigir-se de seus erros, trabalha para melhorar-se, usando esse tempo como remédio para os males que o levaram a ser excluído da sociedade e ser obrigado a viver segregado, então a prisão está sendo um remédio que irá afastá-lo daquilo que o levou para aquele lugar insano. Para o espírito, podemos dizer, acontece a mesma coisa, com a diferença que no homem é aprisionado seu corpo e o espírito quando reencarnado, fica preso dentro do corpo. Quando o espírito usa esse período para melhorar-se e quitar os débitos contraídos em vidas passadas, então para ele, também, se torna um remédio, auxiliando-o a pagar todas as dívidas contraídas contra si e contra o próximo. Tanto o homem como o espírito, quanto mais rápido quitarem seus débitos contra a Lei, mas rápido poderá deixar o casulo que o prende.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:56, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Seg 18 Dez 2017 - 8:51

09/01/2016
Não somos seres isolados no mundo. Pertencemos ao conjunto da criação. Somos um elemento que compõem o universo. Somos tão importantes como o átomo é, para identificar um elemento qualquer. Cada elemento é indispensável para a harmonia do universo. Somos diferentes de qualquer outro ser que habita este planeta, mas somos compostos dos mesmos elementos que compõem os corpos dos outros seres que consideramos vivos. A energia que nos sustenta é a mesma energia que assusta os outros seres. Por isso, somos uma individualidade dentro de uma multiplicidade. Assim como somos um, somos todos, pois estamos ligados com todo o universo por essa energia que o sustenta, e que em última análise, chamamos de Deus. É preciso que nosso consciente exterior perceba e se conscientize de que “Somos Todos Um”. Isso é a grande realidade, o mais são divagações de mentes incultas que na sua ignorância se julgam os detentores da verdade e do conhecimento. Sábio é aquele que diz como o filósofo: “A única coisa que sei é que nada sei”. Não temos cabeça bastante grande para açambarcar o conhecimento, apenas possuirmos parcelas dele.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:57, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Ter 19 Dez 2017 - 8:08

10/01/2016
Tanto aqui na matéria como do outro lado da vida, o ser precisa dedicar-se ao seu adiantamento. Aqui na matéria, com facilidade, o ser humano “se atira nas cordas”, busca sempre as facilidades, como se diz, procura o caminho mais fácil. Aqui, no corpo físico, é mais ou menos dirigido pelo seu consciente exterior, que na grande maioria dos humanos recebe uma educação torta que os direcionam exclusivamente para as coisas materiais. Mesmo quando educados dentro de uma religião, recebem uma educação eivada de inverdades veladas, que os tornam muito mais carolas ou fundamentalistas do que dedicados em buscar a evolução espiritual de seus próprios espíritos. Criam uma dicotomia entre o ser espiritual e o ser físico. Prendem-se às suas verdades como sendo as únicas e consideram-se procuradores de Deus na Terra. Do outro lado da vida, na vida após a vida, há espíritos que não querem nada com nada. Se é possível dizer, apenas vegetam como espíritos, ainda não acordaram para a grande verdade: “Somos Todos Um”. Nessa multiplicidade, o ser precisa buscar a sua própria evolução, porque ninguém vai evoluir por ele. Precisa dedicar-se ao seu próprio adiantamento.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:57, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Qua 20 Dez 2017 - 9:09

11/01/2016
O paraíso não precisa ser exatamente um local, embora passa sê-lo. Mas, em primeiro lugar, será um estado de espírito. Pode um ser estar no local mais aprazível que possa haver na face do planeta, mas se seu espírito não estiver apaziguado com as Leis Divinas, jamais sentir-se-á num paraíso. Por mais pacífico, por mais sossegado seja um local físico, nunca trará paz a um espírito belicoso e carregado de carmas a serem resgatados. Nas Escrituras Sagradas, consta que Adão e Eva viveram no paraíso. Isso, certamente, porque não haviam adquirido carmas a serem resgatados. Podem inclusive ter continuando no mesmo local físico, mas sem ter mais aquele estado de espírito que transformava qualquer lugar em paraíso. Para um espírito pacífico, qualquer lugar é bom. Para um espírito belicoso, em qualquer lugar encontrará motivos de contenda. Portanto, não é o local que determina seja o paraíso, mas sim a condição do habitante que mora no corpo físico que usa para agir e interagir na matéria.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:57, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Qui 21 Dez 2017 - 8:21

12/01/2016
Os sinais deixados são a comprovação do que aconteceu ou, também, do que poderá acontecer. A queda de encostas, o desmoronamento de barrancos, as voçorocas deixadas na lavoura, são sinais de que a chuva foi demasiadamente grande. Há sinais que são o presságio de acontecimentos. A humanidade atual está vivendo um período muito conturbado e o presságio deixado não é dos melhores. Da forma como está se desenrolando o ambiente social da humanidade, está mostrando que algo muito grande está por acontecer. Será algo que deixará marcas profundas no planeta, tanto a nível físico como a nível espiritual dos seus habitantes. Há muito tempo previa-se uma grande transformação para 21/12/2012. Embora essa data fosse apenas o final de um ciclo previsto pelos Maias, talvez, também, fosse uma forma de avisar a humanidade de grandes transformações que advirão, não na data predita pelo homem, mas na batida do martelo do Criador. A humanidade está extrapolando todos os limites do bom senso e da convivência social. Precisa de um freio, precisa de um limite e só quem pode dar é o dono do martelo, separando o joio do trigo ou os bodes das ovelhas.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:57, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Sex 22 Dez 2017 - 9:34

13/01/2016
Apenas o princípio de nossa existência foi obra de Deus, o Criador, que, usando uma partícula Sua, nos individualizou e nos deu um corpo físico. Escondeu o Seu poder no pensamento da individualização que criara, bem como todos os Seus conhecimentos, para que partindo da plena simplicidade e ignorância, pudesse experienciar os conhecimentos Divinos, que, embora estando dentro dele, não lhe era consciente, e, dessa forma, através de seu próprio esforço, evoluir. Assim, paulatinamente, iria descobrindo um dos grandes questionamentos da humanidade: “Quem eu sou”? Com as suas descobertas, lenta, mas progressivamente, buscar também a resposta para os outros questionamentos que a humanidade tão mal tem interpretado e muito mal vivido, que são: “De onde eu vim”? “Para onde eu vou”? São questionamentos que ainda persistem em permanecer na obscuridade. Causados por uma educação torta e totalmente fora de qualquer raciocínio lógico. Utilizando muito mais para prender mentes fracas e torná-las seus escravos mentais, onde podem direcioná-las para onde querem, ludibriados por promessas insanas e que não serão cumpridas.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:58, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 14

Mensagem  Faccio Miguel em Sab 23 Dez 2017 - 17:13

14/01/2016
A estada do espírito humano aqui no planeta Terra é um projeto muito bem elaborado pelo Comando Intergaláctico para a Terra. Esse comando controla toda a atividade de qualquer emanação de vida existente no planeta. Tudo é supervisionado por ele. Nada acontece sem que seja permitido. Inclusive os resgates cármicos, que algumas vezes podem afetar a harmonia geral. Especialmente o espírito humano que detém o Livre-Arbítrio e o poder criador, através do pensamento, pelo desregramento que facilmente o acomete, pela formação de seu consciente exterior, causado por uma educação torta e pela convivência grupal que facilmente leva ao descaminho. Aliado às atrações da matéria que lhe oferece engodos para o atrair e assim levá-lo para vida fácil. Tudo isso, leva o espírito humano a ter que resgatar, e muitas vezes são resgates pesados, que podem até afetar a outros, por isso, o Comando Intergaláctico para a Terra, através do Conselho Cármico, controla e prepara as reencarnações dos espíritos humanos, dando-lhes, especialmente, condições de resgatar as suas pendências cármicas sem afetar a quem convive com ele ou ao ambiente onde está inserido.


Última edição por Faccio Miguel em Sex 22 Jun 2018 - 9:58, editado 1 vez(es)

Faccio Miguel

Mensagens : 335
Data de inscrição : 28/09/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PENSAMENTOS LANÇADOS AO VENTO II (BOOKESS.COM) - LIVRO 12

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 9 de 19 Anterior  1 ... 6 ... 8, 9, 10 ... 14 ... 19  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum